como reciclar embalagens

Veja 3 alternativas de como reciclar embalagens dos seus cosméticos

Você já parou para pensar na quantidade de cosméticos que usa em seus rituais de beleza? São diversos, não é mesmo? Agora, tenha em mente que cada um deles possui uma embalagem e que, após algumas semanas é descartada. Nesse momento você deve ter imaginado o grande número de potinhos de plástico, bisnagas de alumínio e vidrinhos jogados no lixo.

Sim, a quantidade de resíduos gerada é bastante grande: cerca de 80% do total de embalagens consumidas são descartadas após uma só vez de uso. Essa situação fica ainda mais preocupante quando o assunto é decomposição: o plástico, por exemplo, leva cerca de 400 anos para se decompor na natureza; o vidro, mais de 1000 anos e o alumínio demora acima de 200 anos para desaparecer do meio ambiente.

Mas fique tranquila, não é por isso que você precisará diminuir o uso dos seus cosméticos e nem abrir mão dos seus rituais de beleza. Existem alternativas para reaproveitar os recipientes dos produtinhos, reduzindo os impactos negativos dele no meio ambiente. Então, veja a seguir 3 alternativas de como reciclar embalagens dos seus cosméticos e comece agora mesmo a fazer as pazes com o meio ambiente!

1. Dê um novo fim à embalagem

Em alguns casos, é possível dar um fim totalmente novo e útil a uma embalagem usada. Na internet existem vários tutoriais que ensinam a aproveitar frascos de shampoo, latinhas de creme e até mesmo tubos de hidratante transformando-os em utensílios do dia a dia.

Fazendo recortes na lateral de um recipiente plástico, por exemplo, você consegue usá-lo como vaso de plantinhas no jardim, suporte para esponja na cozinha, porta-lápis da criançada, luminária no escritório, entre outros.

2. Prefira usar refis de cosméticos

Várias marcas oferecem as opções de refil. Funciona assim: na primeira vez que você for usar aquele cosmético, precisará comprar o produto em seu recipiente original, que é mais resistente e reforçado. Já nas próximas vezes que você for repô-lo, quando ele acabar, será o seu refil que deverá ser comprado — uma embalagem que é produzida com menos plástico ou até mesmo vendida à granel, dependendo do estado sólido ou líquido do produtos.

Muitos shampoos, sabonetes líquido, condicionadores, máscaras faciais e hidratantes são comercializados dessa maneira e costumam ter um preço mais em conta. Ou seja, faz bem para o meio ambiente e para seu bolso. No entanto, não se esqueça de seguir as orientações da marca ao fazer a reposição, além de nunca usar um cosmético dentro da embalagem de outro, combinado? Isso pode comprometer a segurança e eficácia do produto.

3. Separe seu lixo reciclável

Outra forma de reciclar embalagens é separá-las e encaminhá-las à coleta seletiva. Por isso, ao terminar um cosmético, lave bem seu recipiente; se conseguir, amasse-o para poupar espaço e coloque-o na lixeira de recicláveis.

Seguindo essas dicas você conseguirá reciclar embalagens dos seus produtinhos favoritos, garantindo seu bem-estar e evitando prejuízos ao meio ambiente. Por falar em cosméticos, que tal dar uma olhadinha no post em que explicamos a diferença entre água micelar e água termal? Clique aqui para acessar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *